ACELERANDO: Pandemia faz com que BMW venda mais que algumas marcas de carros populares do Brasil



ACELERANDO: Pandemia faz com que BMW venda mais que algumas marcas de carros populares do Brasil

Pandemia fez a alemã BMW vender mais carros que algumas marcas populares no país

  • O UOL publicou uma notícia que chama a atenção de muitos revendedores de automóveis. Entre os muitos fenômenos gerados pela pandemia da Covid-19 na indústria automobilística, a BMW se destaca em um deles.
    Em junho, mês que registrou boa recuperação das vendas de carros, a montadora alemã de automóveis de luxo ficou no 11º lugar do ranking de marcas mais vendidas no país.
    A BMW deixou três marcas de carros populares para trás. Além disso, ultrapassou também a japonesa Mitsubishi, que no País vende SUVs de maior valor agregado e a picape L200, mas não atua no segmento de luxo.
    Segundo dados da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), em junho, a BMW vendeu 1.269 carros no mercado brasileiro. Na comparação com o resultado obtido em 2015, quando foi a 15ª colocada no ranking de vendas, a marca alemã saltou quatro posições.
    Ela deixou para trás, além da Mitsubishi, a Citroën, a Peugeot e a Caoa Chery. A Citroën foi a 12ª colocada, com 1.188 emplacamentos, ante os 1.158 da Mitsubishi, 13ª e 1.036 da Caoa Chery, 14ª.
    A explicação se dá ao fato de a pandemia ter gerado uma grave recessão econômica no Brasil. Além da perda de empregos e da redução de salários, existe insegurança na hora de comprar bens de alto valor. Os segmentos de modelos mais populares sofrem mais que os de carros mais caros e de luxo.

     

     

  • Daniel Zílio

    Daniel Zílio, jornalista, que há 11 anos atua no ramo da comunicação, levando informação com ética.

Comentários


Deixe um comentário


2DZ © 2020 - Todos os direitos reservados | Desenvolvido por Tribo Propaganda